EXTRAMUROS - Revista de Extensão da Univasf, Vol. 5, No 2 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Ferramentas participativas para seleção de variedades com agricultores familiares

Maria Aldete Fonseca, Alineaurea Florentino, Paola Cortez Bianchini

Resumo


Métodos participativos contribuem para empoderar e fortalecer agricultores familiares e estimular processos locais de organização social e desenvolvimento. Este trabalho objetiva mostrar o potencial de ferramentas participativas para processos de seleção participativa, propondo um itinerário metodológico e uma nova ferramenta. Foram instalados ensaios de seleções participativas de bucha vegetal, melancia forrageira e mandioca. As ferramentas participativas utilizadas foram: tempestade de ideias, espetos de madeira e matriz de classificação. Verificou-se que a sequência de aplicação de ferramentas influência nos resultados alcançados, sendo sugerido que a primeira a ser aplicada seja a tempestade de ideias. Constatou-se que cada grupo de agricultores estabelece critérios próprios de seleção para uma mesma espécie, o que reforça a importância de processos participativos para o manejo e conservação da agrobiodiversidade. A nova ferramenta proposta, espetos de madeira, foi eficiente e eficaz para a seleção feita pelos agricultores no campo e pode ser também utilizada para outras finalidades.