A IMPORTÂNCIA DA GEOGRAFIA ESCOLAR SOB SUA PERPSECTIVA CRÍTICA PARA A FORMAÇÃO CIDADÃ DOS EDUCANDOS DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA)

UMA PROPOSTA DE PRÁXIS

  • Paula Dagnone Malavski
Palavras-chave: Geografia Escolar, Geografia Crítica, Pedagogia dialógica, Formação Cidadã

Resumo

O objetivo desse artigo é apresentar uma práxis em Geografia Escolar, sob sua perspectiva crítica. Baseia-se em um estudo de caso por nós realizado com educandos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) de uma escola pública, localizada em um bairro popular da cidade de Salvador (BA), cidade que passa por um amplo processo de reestruturação de sua infraestrutura urbana por meio de políticas urbanas; a pedagogia dialógica freiriana foi o embasamento de tal prática. Os resultados da pesquisa puderam revelar que a construção coletiva entre educadores e educandos de conceitos importantes da Geografia Escolar, como paisagem, região, espaço, território e lugar, a partir da experiência da vida cotidiana, apresenta-se como possibilidade para uma educação contextualizada e crítica, assim como parauma formação cidadã para esse público.

Biografia do Autor

Paula Dagnone Malavski

Professora da Univasf

Publicado
2018-11-14
Como Citar
Malavski, P. D. (2018). A IMPORTÂNCIA DA GEOGRAFIA ESCOLAR SOB SUA PERPSECTIVA CRÍTICA PARA A FORMAÇÃO CIDADÃ DOS EDUCANDOS DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA). Revista De Educação Do Vale Do São Francisco, 8(16). Recuperado de http://periodicos.univasf.edu.br/index.php/revasf/article/view/244
Seção
Artigos